Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
4/07/16 às 18h50 - Atualizado em 29/10/18 às 17h26

Diretoria e servidores do SLU discutem Planejamento Estratégico Situacional da Autarquia

Encontro é realizado na residência oficial de Águas Claras

A residência oficial de Águas Claras foi o cenário escolhido para a discussão do Planejamento Estratégico do Serviço de Limpeza Urbana (SLU), na última sexta-feira (1º). O encontro contou com a participação da diretoria colegiada e servidores da autarquia. Foram apresentadas as 102 ações para o enfrentamento dos 13 desafios. Além disso, outras 40 entraram na pauta.

Ao final do encontro o governador Rodrigo Rollemberg ressaltou a importância das secretarias, autarquias e empresas públicas desenvolverem uma gestão técnica e moderna que possa cumprir os compromissos assumidos com a população de Brasília. “É inadmissível que a capital do país esteja tão atrasada e distante das diretrizes da Política Nacional de Resíduos Sólidos. Quero que vocês se sintam tranquilos e seguros, porque da minha parte farei com que a questão da limpeza urbana avance e se modernize, do ponto de vista da coleta seletiva com inclusão social dos catadores e da destinação adequada dos resíduos”, ascrescentou.

A diretora-presidente agradeceu a presença e todos e citou uma característica imprescindível no ambiente de trabalho. “É o espírito de coletividade, de equipe, pois ninguém trabalha sozinho. Quando entrei no SLU, geralmente escutava a expressão ‘sempre foi assim’ ou ‘era assim que eu fazia’. Hoje em dia não ouço mais isso, o que representa uma grande mudança”, relatou.  

O Planejamento Estratégico

A atual direção do SLU construiu o Planejamento Estratégico Situacional da autarquia para o período (2015-2019), com ações de curto, médio e longo prazo. O SLU deixou de exercer sua atividade fim (limpeza urbana e manejo dos resíduos sólidos) com pessoal próprio desde 2013 com a Lei nº 5275/13 e passou a exercer as atividades de gestão contemplando o planejamento, o acompanhamento e fiscalização da adequada prestação dos serviços executados por terceiros. 

A 1ª Oficina de Planejamento Estratégico Situacional do SLU/DF foi realizada em 5 e 6 de março de 2015, na sede da Associação Nacional dos Serviços Municipais de Saneamento (Assemae) em Brasília. O foco do encontro a identificação dos principais desafios da autarquia para a promoção da gestão da limpeza urbana e o manejo de resíduos sólidos urbanos no DF. Os 13 desafios identificados são:   

– Regularização do Aterro Controlado do Jóquei;

– Estrutura organizacional e ferramentas de gestão inadequadas;

– Inadequação dos recursos humanos do SLU;

– Alto custo operacional;

– Ineficiência na prestação de contas e controle dos serviços;

– Inadequação do sistema de cobrança;

– Conflito de competência e desarticulação institucional;

– Destinação ambiental inadequada dos resíduos sólidos;

– Reconhecimento dos Catadores na Gestão Integrada dos Resíduos Sólidos;

– Consórcio – Destinação ambiental adequada dos resíduos sólidos;

– Ausência de participação social;

– Necessidade de financiamento;

– Implementar planos e melhorar a articulação interinstitucional. 

O SLU passou a trabalhar com o conceito de Gestão por Resultados, modelo que tem sido discutido no setor público no Brasil. Os gestores elaboram os Planos de Ação com o foco em resultados.

SLU - Governo do Distrito Federal

Serviço de Limpeza Urbana do Distrito Federal

Serviço de Limpeza Urbana do Distrito Federal SCS Quadra 08 Bloco “B50” 6º andar Edifício Venâncio 2000 - CEP: 70.333-900 Telefone: (61) 3213-0153